Meninos, vocês precisam virar homens

Começo esse texto em débito. Sim, inicio essa reflexão com um sentimento de considerável saldo devedor com o seu título. Ao apelar fervorosamente para que os meninos tornem-se homens, devo dar um passo atrás e cunhar a frase do apóstolo Paulo: “não que eu já tenha alcançado”.

Todos os caras que eu conheço conseguem fazer facilmente uma lista daquilo que precisam fazer para melhorar. Quando alguns deles começam a falar sobre isso, eu sou impelido pela minha falta de reverência e noção a perguntar ferozmente “e por que você não faz logo essas coisas para melhorar?” O que se segue é uma enxurrada de desculpas, transferência de culpa, evasão de responsabilidade etc. Faz-me até lembrar aquela canção do D.C Talk que ouvia quando era menino: “eu sou o rei das desculpas, eu tenho uma pra cada coisa errada que eu vou fazer na vida”.

Justificar biblicamente a necessidade de que os meninos se tornem homens e passem a assumir sua responsabilidade diante de Deus, da família e da sociedade seria chover no molhado. O que posso dizer é que tenho na mente e no coração de maneira muito clara todos os textos bíblicos que me chamam a responsabilidade de ser homem, de caráter reto e justo. No entanto, a minha dificuldade não é diferente das dificuldades de todos os caras que conheço: tirar da mente e colocar na prática. Estou tentando diariamente. Em algumas áreas, tenho sucesso e, em outras, bem, sei bem o que fazer para melhorar.

O que quero é compartilhar algumas dicas, orientações, percepções que tenho nesse processo de deixar de ser menino e virar homem. Repito: não que eu já tenha alcançado, mas prossigo nessa direção. Espero que lhe seja útil:

01 – Você não vai conseguir sozinho

Se você é minimamente mais crente do que eu, pensou: “é verdade irmão, a gente tem que estar sempre na dependência de Deus”. Talvez você esteja certo. Mas eu não estou falando só de Deus, estou falando do outro. Você tem pelo menos um amigo a quem você pode contar tudo? Você tem um amigo que te dá bronca por sua má administração do dinheiro, pelo descuido com a família, pelo corpo mole no trabalho? Isso é muito sério, você não vai conseguir sozinho. Um homem de verdade não se forma sem amigos.

02 – Ser homem não significa ser insensível

Nos dias em que vivemos, uma parcela muito significativa das feministas tem razão em seus argumentos. Algumas não, já se perderam em seus ideais, mas uma boa parte ainda tem coerência. A maioria dos homens é machistas, xucra e insensível. Em nome de uma certa hombridade, abandonaram o respeito, o carinho, a verdadeira amizade etc. Quando falamos da Bíblia, quase todos os “homens de Deus” tinham atitudes bem xucras, até mesmo pelo contexto histórico no qual estavam inseridos. Mas há uma exceção: Cristo. Jesus tratou as feridas causadas pela sociedade machista de seu tempo e devolveu a dignidade às mulheres em uma época em que elas eram consideradas inferiores aos homens. Ser homem de verdade é ter sensibilidade com as mulheres, sensibilidade para chorar, sensibilidade para servir. De fato, a grandeza de um homem está na dignidade de fazer o que precisa ser feito, deixando de lado suas manias, frescuras e preconceitos.

Alguns de nós cantamos assim como cantou Chorão: “Ainda vejo o mundo com os olhos de criança que só quer brincar e não tanta responsa, mas a vida cobra sério e realmente não dá pra fugir”. E é verdade, realmente não dá pra fugir!

03 – É possível ser menino na idade e homem no caráter

Assumi recentemente uma posição importantíssima na diretoria executiva da minha comunidade local. Ao meu lado, em posto igual, está um amigo da mesma idade. Ainda temos de conviver com o olhar desconfiado dos mais velhos, que devem pensar: “tão meninos, com tanta responsabilidade, será que vão conseguir?” Bem, tenho aprendido que é extremamente possível ser menino na idade e homem no caráter. Falta de experiência não é sinônimo de falta de caráter, pelo contrário, é o bom caráter que dá significado às experiências, de modo que elas sejam decisivas para ter sentido na vida.

Foi Eça de Queiroz quem disse que “é o coração que faz o caráter”. E Jesus disse que “onde estiver o seu tesouro, aí estará o seu coração”, ou seja, coração alegre, bom e humilde refletirá um caráter assim.

04 – Saia um pouco da internet

Parece contraditório esse tópico, afinal você está lendo esse texto na internet. No entanto, preciso dizer uma verdade: a ascensão da internet inaugurou a era dos machões de Facebook. Gente que esbraveja atrás de uma tela de computador, mas não tem capacidade de lavar a louça em casa. Teólogos que são especialistas em achar heresias nos outros, mas não conseguem se abaixar com uma bacia e uma toalha para lavar os pés dos irmãos na comunidade local. Meninos viram homens quando saem das quatro paredes do seu quarto e vão para rua ver a vida como ela é e aprender com ela. Foi a Banda Resgate quem cantou que “tudo é uma lição e a gente tem que aprender, o Mestre usa vida e a vida usa tudo”. É nas experiências reais e intensas que deixamos de ser meninos e aprendemos a ser homens.

Como diria meu amigo cearense Euriano, o que eu mais quero é “ser cabra macho como Jesus”! Não quero mais ser menino e ficar só na retórica, falando o que os outros precisam mudar. Quero, antes, ser um homem que vive e anda no caminho do Cristo de Nazaré, que nos convida a mudar o mundo por meio de uma mudança radical de nossa mente!