Ser tentado é pecado?

“A decisão é nossa, seguimos a tentação, ou seguimos o livramento do Senhor.” (Mário Fagundes)

A gente pensa que a tentação está ao nosso redor, mas Deus diz que ela começa dentro de nós. Se você não tiver o desejo interno, a tentação não tem como atraí-lo. A tentação sempre começa na sua mente, e não na circunstância onde ela ocorre. Jesus disse: Pois do interior do coração dos homens vêm os maus pensamentos, as imoralidades sexuais, os roubos, os homicídios, os adultérios, as cobiças, as maldades, o engano, a devassidão, a inveja, a calúnia, a arrogância e a insensatez. Todos esses males vêm de dentro? Tiago nos diz que existe um exército inteiro de maus desejos dentro de vocês.

Ser tentado não é pecado. Jesus foi tentado, embora nunca tenha pecado. A tentação só se torna pecado quando você cede. Martinho Lutero disse: “Você não pode impedir que os pássaros voem sobre sua cabeça, mas pode impedi-los de fazer ninho nela”. Você não pode impedir o Diabo de sugerir pensamentos, mas pode escolher não mantê-los ou agir segundo eles.

Peça ajuda a Deus. O céu tem uma linha direta para emergências 24 horas por dia. Deus quer que você peça sua ajuda quando a tentação estiver muito forte. Ele diz: “Clame a mim no dia da angústica; eu o livrarei, e você me honrará”.

Texto extraido do livro “Uma Vida com Propósitos”.

Posts relacionados

Comentários